Saturday, February 25, 2017

Cubano e Americano



Dois esqueletos, um americano e um cubano, encontram-se. 

O cubano diz ao americano, com admiração: - Rapaz, que esqueleto tão baril: grande, forte, de ossos grossos e brancos, um tremendo esqueleto! 

O esqueleto americano responde: - É que eu comi muita carne, tomei muito leite, muitas vitaminas. Mas, olhe, você ê, para um esqueleto cubano, até não está nada mal. Você tinha direito a alguma quota especial de comida quando estava vivo? 

- Não, não. Eu ainda estou vivo!

Thursday, February 23, 2017

Desenhando Deus


Uma professora de creche observava as crianças de sua turma desenhando.

Ocasionalmente passeava pela sala para ver os trabalhos de cada criança. 

Quando chegou perto de uma menina que trabalhava intensamente, perguntou o que desenhava. 

A menina respondeu: -'Estou desenhando Deus.' 

A professora parou e disse: -'Mas ninguém sabe como é Deus.' 

Sem piscar e sem levantar os olhos de seu desenho, a menina respondeu: 

- 'Saberão dentro de um minuto'.

Friday, February 17, 2017

Você sua heim?


O Rapaz passou a tarde toda jogando bola. Zagueiro grande e forte.

Saiu do jogo e foi pra casa tomar banho, pra ir a uma festa, estava todo suado e sujo.

Chegando em casa, olhou no relógio e viu que já estava atrasado pra festa, então decidiu não tomar banho. Colocou um terninho apertado e passou gel no cabelo e foi pra festa.

Chegando na festa, estava bombando, viu uma menina sentada no sofá e logo a chamou pra dançar. Ela aceitou, sem saber o que estava por vir.

Os dois dançando, e o rapaz que já não estava cheiroso, começou a suar cântaros...

A menina toda incomodada com o cheiro e os rios de suor jorrando do rapaz, ficou acanhada e não tinha coragem de falar com o rapaz.

Até que ela não aguentou e o chamou para ir pro lado de fora, pra respirar um ar fresco. O rapaz já ficou animado e pensou: - é hoje que rola um beijinho.

A menina estava mais aliviada, mas ainda vendo o rapaz suar como um porco, mas ficou aquele silêncio e ninguém falada nada, os dois sem graça.

Até que a menina resolveu falar pra quebrar o gelo e depois dispensar o rapaz.

E disse: - Nossa, você sua, heim?

O rapaz ainda mais animado, respondeu: - Eu também vou ser seu, gata!!!

Monday, February 6, 2017

Joãozinho e a Bolinha


Cinema escuro. De repente, ouve-se a voz de um menininho:

- Mãe, eu perdi minha bolinha.

- Fala baixo, Joãozinho. Deixa acabar o filme. Quando acender a luz, a mamãe acha a sua bolinha.

- Eu quero minha bolinha, mãe!

- Fica quietinho, meu filho.

- Manhê! Eu não estou achando a minha bolinha.

- A gente procura depois, meu filho.

As pessoas que estavam no cinema começaram a gritar: - Silêncio! - Tira esse menino do cinema! - Acende a luz! - Procura logo a bolinha desse chato, pra gente ver o filme sossegado!

Acenderam a luz e todo mundo ficou procurando a bolinha. Ninguém achou.

- Não achamos a sua bolinha, meu filho. Você viu. Todo mundo procurou.

- Não tem importância - disse Joãozinho. Aí, sentou na sua cadeira, encolheu os ombros, enfiou o dedo no nariz e disse: - Eu faço outra.

(Ééécaaa! )

Wednesday, February 1, 2017

Loira Sequestradora



A loira não conseguia passar no teste para nenhum emprego.

Resolveu tomar uma atitude extrema para ganhar dinheiro: -

Vou seqüestrar uma criança! - pensou! Com o dinheiro do resgate eu resolvo a minha vida... 

Ela encaminhou-se para um playground, num bairro de luxo, viu um menino muito bem vestido, puxou-o para trás da moita e foi logo escrevendo o bilhete: 

'Querida mãe isto é um seqüestro. Estou com seu filho. Favor deixar o resgate de R$10.000,00, amanhã, ao meio-dia, atrás da árvore do parquinho. Ass: Loira seqüestradora ' 

Então ela pegou o bilhete, dobrou- o e colocou no bolso da jaqueta do menino, dizendo: 

- Agora vai lá e entrega esse bilhete para a sua mãe. 

No dia seguinte, a loira vai até o local combinado. Encontra uma bolsa. Ela abre, encontra R$10.000,00 em dinheiro e um bilhete junto,dizendo: 

'Está aí o resgate que você pe diu. Só não me conformo como uma loira pôde fazer isso com outra...'


Sunday, October 23, 2016

Advogado não muito inteligente II



Advogado : Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor checou o pulso da vítima? 


Testemunha: Não. 


Advogado : O senhor checou a pressão arterial? 


Testemunha: Não. 


Advogado : O senhor checou a respiração? 


Testemunha: Não. 


Advogado : Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou? 


Testemunha: Não. 


Advogado : Como o senhor pode ter essa certeza? 


Testemunha: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa 


Advogado : Mas ele poderia estar vivo mesmo assim? 


Testemunha: Sim, é possível que ele estivesse vivo e cursando Direito em algum lugar !!! 

Saturday, October 22, 2016

Advogados não muito inteligentes


Advogado : Qual é a data do seu aniversário? 
Testemunha: 15 de julho. 
Advogado : Que ano? 
Testemunha: Todo ano. 

Advogado : Essa doença, a miastenia gravis, afeta sua memória? 
Testemunha: Sim. 
Advogado : E de que modo ela afeta sua memória? 
Testemunha: Eu esqueço das coisas. 
Advogado : Você esquece... Pode nos dar um exemplo de algo que você tenha esquecido 

Advogado : Que idade tem seu filho? 
Testemunha: 38 ou 35, não me lembro. 
Advogado : Há quanto tempo ele mora com você? 
Testemunha: Há 45 anos. 

Advogado : Qual foi a primeira coisa que seu marido disse quando acordou aquela manhã? 
Testemunha: Ele disse, 'Onde estou, Bete?' 
Advogado : E por que você se aborreceu? 
Testemunha: Meu nome é Célia. 

Advogado : Seu filho mais novo, o de 20 anos... 
Testemunha: Sim. 
Advogado : Que idade ele tem? 


Advogado : Sobre esta foto sua... o senhor estava presente quando ela foi tirada? 


Advogado : Ela tinha 3 filhos, certo? 
Testemunha: Certo. 
Advogado : Quantos meninos? 
Testemunha: Nenhum 
Advogado : E quantas eram meninas? 

Advogado : Sr. Marcos, por que acabou seu primeiro casamento? 
Testemunha: Por morte do cônjuge. 
Advogado : E por morte de que cônjuge ele acabou?


Advogado : Poderia descrever o suspeito? 
Testemunha: Ele tinha estatura mediana e usava barba. 
Advogado : E era um homem ou uma mulher? 


Advogado : Doutor, quantas autópsias o senhor já realizou em pessoas mortas? 
Testemunha: Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas... 


Advogado : Aqui na corte, para cada pergunta que eu lhe fizer, sua resposta 
deve ser oral, Ok? Que escola você freqüenta? 
Testemunha: Oral. 


Advogado : Doutor, o senhor se lembra da hora em que começou a examinar o corpo da vitima? 
Testemunha: Sim, a autópsia começou às 20:30 h. 
Advogado : E o sr. Décio já estava morto a essa hora? 
Testemunha: Não.... Ele estava sentado na maca, se perguntando porque eu estava fazendo aquela autópsia nele.